EDIFÍCIO MARTINELLI – seu próximo passeio (de graça!) em São Paulo.

por em Geral, Inspiração, Lugares, Viagem

São Paulo sempre fez meu coração bater mais forte, até porque, é o lugar onde nasci e passei todas as minhas férias até a adolescência. Depois de adulta, passei dezenas de finais de semana, sempre tentando visitar o máximo de lugares possíveis. Na minha lista, estava o Edifício Martinelli. Porém, como as visitas são abertas apenas dias de semana, só consegui finalmente realizar minha vontade há poucos dias.

2016-07-01 13.09.18O prédio fica na região do Vale do Anhangabaú e tem uma história muito impressionante, começando pela história do Giuseppe Martinelli, seu idealizador. Martinelli, que veio da Itália em 1888, era fascinado por construção e tinha o sonho de deixar um legado na cidade de São Paulo, construindo o maior prédio da América do Sul.

2016-07-01 11.20.39-1

Em 1924, Martinelli vendeu todos os seus navios e comprou o centenário Café Brandão, ponto de encontro famosíssimo na cidade. Em seguida, mandou derrubar e aí começou o seu plano megalomaníaco. Inicialmente, o prédio deveria ter 14 andares, mas o empresário foi querendo mais e mais. Em um determinado ponto da construção, ele ficou sabendo que o Edifício A Noite no Rio de Janeiro iria ultrapassá-lo, e foi quando ele mandou construir um palacete de 5 andares, uma verdadeira mansão no topo, a Vila Martinelli.  O prédio ficou então com 30 andares, 105 metros, 960 salas, 247 apartamentos e 580 mil toneladas.
2016-07-01 11.23.50

As obras do Martinelli foram embargadas algumas vezes, e os jornais noticiavam que o prédio era um perigo e podia cair a qualquer momento, a um ponto em que os pedestres passaram até a desviar dali. Para tentar reverter a situação, primeiro Martinelli se mudou para o alto do prédio com a família e depois, fez uma aliança com o Chatô e criou um teste estrutural noticiado pelos seus jornais durante 7 dias. E assim ele comprovou a solidez e segurança do prédio.

 Irmo Celso
Irmo Celso

No seu ápice, o prédio tinha como inquilinos o Palmeiras, a Portuguese, jornais, sindicatos, Hotel São Bento, cinema, etc. Porém, a construção do prédio deixou o Martinelli com problemas de dinheiro, e ele acabou vendendo o edifício para o governo da Itália em 1934. Em 1943, com a declaração de guerra do Brasil ao eixo, todos os bens italianos foram confiscados e o Martinelli passou a ser propriedade da União, tendo inclusive sido rebatizado com o nome de Edifício América.

Foto: Cristina Pagnoncelli
Foto: Cristina Pagnoncelli

Na década de 70, vem mais uma parte impressionante da história do prédio: ele virou uma favela vertical, um lugar de histórias macabras, com muita venda de drogas, prostituição e assassinatos. Os elevadores já não funcionavam mais e acumulou-se 9 andares de lixo, onde, mais tarde, encontraram corpos, ossadas e fetos. Até que em 1975 o prefeito de sampa Olavo Setúbal pediu ajuda do exército para reocupar o Martinelli e iniciar sua restauração, que terminou em 1979. Desde então o prédio é sede de diversas instituições públicas de São Paulo.

https://spcity.com.br/
https://spcity.com.br/

Martinelli desejava transformar a mentalidade de uma cidade em crescimento com a arquitetura. Será que hoje em dia ele ainda faria um arranha-ceús?

VISITAS:

A entrada não é pela portaria principal, é uma entrada lateral do prédio.

Horário: Segunda à sexta: 9h30 às 11h30 ou  14:00 às 16:00

A cada meia hora o relações públicas do prédio, o Edson Cabral, conta a história toda.

Endereço: Av. São João nº 35, Centro. (Estação São Bento do Metrô – Linha 1 Azul)

ps: a History Channel também fez esse documentário “Gigantes do Brasil”, que também inclui o Martinelli.

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=ryzYE8yKOLQ[/youtube]

ps- se puder, passe na CASA MATHILDE que fica bem em frente, uma confeitaria portuguesa MARAVILHOSA e que serve o melhor chá gelado de maçã que já provei.

Comentar via Facebook

Comentar via Blog

2 comentários

  1. Rosangela Mendes

    Bom dia !!Muito prazer Bruna!!! Eu sou Rosangela moro em São Luis-Maranhao , já estive em Curitiba em Dezembro 15 , amei a cidade , fiz uns passeios e pretendo voltar em Setembro e gostaria de saber detalhes para ser uma visitante na casa Samambaia .Li a reportagem na revista Vida Simples e achei encantadora sua iniciativa. Meu telefone ė 98 98826- 6030 vc pode me adicionar no watss e tb tenho o instagram @mendesro e no Facebook vc me acha como Rosangela Mendes .aguardo um contato seu.Bjs

    Responder
  2. Deborah

    Nossa que lindo. Eu não conhecia e adorei a dica. Quero conhecer mais lugares assim em SP. Com certeza vou visitar!
    Beijos!
    http://www.vivendojunto.com.br

    Responder