Textos

deslocamento.

por em Textos

As roupas não estão secando no varal. Eu gosto de roupas limpas. No Brasil eu tinha que gostar muito de uma peça, assim, tinha que ser especial, para eu levar até a lavanderia. Hoje foi a primeira vez em quase 30 anos que levei muitas roupas para lavar e secar.Vai custar 8 euros. Uns 35 reais, dava pra ir no Thai da esquina. Mas prefiro ter roupa limpa que ir no Thai comer meu prato favorito que são vegetais com pasta de amendoim e uma sopa de banana e tofu. Não consigo comer sozinha as duas coisas, preciso dividir.
Vai durar 34 minutos apenas a lavagem. Enquanto eu espero, vim parar aqui. Por quê raios preciso sempre me distrair na espera?
Neste café, pareciam todos personagens deprimidos. Havia a senhora que atendia, uma senhora perto da morte sentada, e dois homens separadamente bebendo Sagres. Do momento que entrei e pedi minha meia de LEITCHI (não tomo leitchi em casa, só mesmo na meia de leitchi), até o momento de receber 30 céntimos de troco, não se ouviu um ruído. Nada. Ninguém me disse “tá bem”, “obrigada”, ou “são 70 céntimos”. Pareceu que eu era surda e que não podia escutar nada. Mas a verdade é que ninguém falava nada, a televisão estava no mudo e não havia música, nem carros a passar. O silêncio só foi rompido pela máquina de café. E eu me senti uma estranha num lugar que eu não deveria estar. Senti a tristeza destas pessoas neste domingo. Senti que gostariam de estar a fazer qualquer coisa menos estar neste café que tem um cheiro de coisa guardada que lembra o cheiro que não gosto da casa da minha avó materna e me sinto tão culpada por não gostar da casa dela, ou de lembrar dela por causa de um cheiro que eu definitivamente não gosto.
———–
26907660_1980406055542266_4474998093800368804_n

marcapasso

marcapasso

por em Textos

ninguém caminha naturalmente ao mesmo tempo do outro. ainda que tenham a mesma altura, as pernas possuem tamanhos e musculaturas diferentes e o tanto que já nos movemos nessa vida faz com que cada um desenvolva maiores capacidades respiratórias e coronarianas- cardiovasculares-coronárias que influenciam diretamente o quanto podemos suportar altos e baixos. (quando se trata […]

Dicas práticas para o momento pré-viagem.

Dicas práticas para o momento pré-viagem.

por em Geral, Textos, Viagem

Em poucos dias, estou de mudança para Portugal. E desde o começo fiz uma listinha de coisas que eu deveria resolver antes de ir. Então, resolvi compartilhar algumas resoluções pré-viagem.  Vai que ajuda alguém em algum momento, certo? Skyscanner O grande esquema no Skyscanner é buscar pelo “mês inteiro”, assim você visualiza logo de cara […]

Fome.

Fome.

por em Textos

Estava sedenta por um chocolate. Incrível como nunca tinha chocolate em casa quando estava sedenta por um chocolate. Em compensação, a dúzia de ovos parecia durar para sempre, mesmo comendo um por dia. Ovo pode, pão não. Resolveu sair para comprar, assim, já tomava um ar. Engraçado, tomar um ar sempre significa estar fora de […]

Sarahah, “feedbacks” e a nossa covardia.

Sarahah, “feedbacks” e a nossa covardia.

por em Textos

Quanto eu tinha 19 anos, um redator chamado Fabiano olhou para minha cara e disse que eu era uma péssima redatora e que a julgar pela qualidade dos meus textos, eu jamais seria contratada. Aquilo me marcou, mas não me ofendeu. Porque se tem algo que a vida me ensinou, é que o “feedback” deve […]

Madurez – Por Rafael Bahia

Madurez – Por Rafael Bahia

por em Textos

Existe um pomar do outro lado da cerca. Se você se esgueirar por debaixo do arame farpado, consegue chegar lá sem muita dificuldade. Quer dizer, além da urticária que a grama causa em contato com a pele. A coceira só vai atacar mesmo bem às oito da noite, na hora do banho. Da última vez, […]

a melhor crise da minha vida.

a melhor crise da minha vida.

por em Geral, Textos

Há alguns meses eu literalmente acordei e pensei – chega. Depois de quase 10 anos trabalhando com carteira registrada e tocando um projeto meu que parecia um sonho. Eu estava feliz. Mas algo precisava mudar. Senti uma urgência de vida. Senti que tudo que eu estava planejando há muito tempo poderia não acontecer. Eu deveria […]

Não nasci pra selfie.

Não nasci pra selfie.

por em Geral, Textos

me olhei no espelho de casa e gostei do que vi. tirei o celular do bolso, liguei a câmera frontal. click. click. click. click. click. click. click. click. a foto ficou ruim. click. click. click. click. click. click. click. click. talvez eu seja meio feia. click. click. click. click. click. click. click. click. vamos tentar […]

¿Que deseas de mi?

¿Que deseas de mi?

por em Textos, Viagem

– Falta pouco para eu ir embora. – ¿Você está feliz em voltar? [cara de não sei] >> << [cara de ¿por qué?] – É a primeira vez que eu não vou voltar pra ninguém. – Você vai voltar pra você. (Montevideo, naquele bar antes do Bluzz. Out 2016)   Ultimamente, tenho tido preguiça de entender […]

por aqui, tudo caminhando

por aqui, tudo caminhando

por em Textos, Viagem

Faz algumas semanas, a Bru me convidou pra escrever aqui. Fiquei gastando um tempo pensando em como começar, se eu deveria me apresentar…  Resolvi que o melhor seria começar do meio mesmo. Sem explicação, sem muito contexto. Jogando, aos poucos, mais pistas. O que é necessário saber: estou há dois meses em Montevideo, depois de meses muito, […]

mangas.

mangas.

por em Textos

Domingo, 16h30. Rodoviária do Tietê. Desembarca, diretamente de Livramento de Nossa Senhora na Bahia, seu Nilson, meu avô. 77 anos, uma camisa bonita, talvez o único fruto que restou da sua vida inteira trabalhando como alfaiate em uma dessas lojas de Shopping. Passou a vida fazendo terno e eu, em 28 anos, nunca o vi […]

armário dos sonhos.

armário dos sonhos.

por em Textos

cada pessoa com quem me relaciono está numa gaveta diferente, sempre foi assim. algumas pessoas se colocam na gaveta lá do fundo, aquela que a gente põe as roupas que a gente não usa muito, mas que podem ser úteis em alguns dias frios. umas roupas meio surradas, mas que não temos coragem de jogar fora. nem […]

diga

diga

por em Textos

tem gente que diz e desdiz. – a palavra desdizer existe, ainda que eu acredite que não seja possível fazer desparecer o que foi dito – e se for pra negar o que disse, melhor falar com as paredes. desdizer, só vale, se for assumimento que disse, mas não queria mais dizer, digo; que mudou de ideia, […]

mentira cara de pau.

mentira cara de pau.

por em Geral, Textos

gosto de imaginar as piores coisas sobre você. me faz bem pensar que você é um merda que eu tive a sorte de me livrar. tenho um poder de acreditar nas minhas próprias mentiras. mas tudo bem, não me sinto só. todos nós criamos uma narrativa que possa fazer algum sentido só pra dizer que […]