Textos

remo solo, remo duplo.

remo solo, remo duplo.

por em Geral, Inspiração, Textos

Muitos se queixam do cansaço de ter que remar sozinho. Mas a verdade é que todo mundo nasce sabendo dessa arte de se deslocar pela água usando o corpo como elemento propulsor. Remar, todo mundo rema. Difícil é saber chegar a algum lugar com menor esforço, entender de que lado o vento ajuda e não […]

de nada.

de nada.

por em Geral, Textos

é muito de tudo e pouco de muito. um pouco de cada de nada. corpos meio cheios, meio vazios. muito riso pra pouca piada. é muito de nada pra pouco obrigada.  

O filme da vida.

O filme da vida.

por em Textos

Não me lembro quem disse, mas passei a repetir: a realidade supera os filmes. Me lembro quem disse, após sair de um velório, dizer que estava contente com o filme da própria vida que se passa na cabeça nessas horas tristes. Depois disso, resolvi editar mentalmente o meu. Já há algum tempo, decidi (racionalmente) viver […]

Recado de um viajante.

Recado de um viajante.

por em Textos, Viagem

Chega um dia em que você percebe que seu corpo aguenta mais do que aparenta. Que a pele é feita para suportar o frio nunca antes sentido, que o suor é bem-vindo e que os pés suportam toda a dor de descobrir o mundo. Em algum momento da vida, todo mundo deveria mergulhar dentro de […]

Deletar é um delato.

Deletar é um delato.

por em Textos

caminhei pela sombra, andei escondido silenciei minha voz, deletei arquivos apaguei a luz, ceguei os sentidos fechei os olhos, tapei os ouvidos achei você, esqueci de mim. saí de cena, encostei a cortina abaixei o som, aceitei a sina.   andei na sombra, dei voz aos ouvidos ceguei os olhos, esqueci os arquivos achei o caminho, ouvi os sentidos […]

o ser que está.

o ser que está.

por em Textos

Não sou minha profissão, sentimentos ou estado civil. Sou, é permanência. Estar, é estado. Não sou casada, solteira ou bancária. Estou solteira, amando, publicitária. Não sou medrosa, estou com medo. Não sou nervosa, nervoso é causa. Sou, é essência. E quem não sabe a diferença entre ser e estar, talvez nunca saia do lugar. Não […]

A arte de caminhar e o prazer em flanar.

A arte de caminhar e o prazer em flanar.

por em Textos

Hoje acordei com certa inquietude. As únicas companhias que me fariam feliz nas minhas 2 horas cronometradas de almoço não estavam por perto. Não queria perder tempo com conversas sobre a estupidez do vestido azul ou branco ou sobre os milagres da chia. Então, ao invés de procurar desesperadamente uma companhia para o almoço, lembrei que […]

Da sua filha Milena.

Da sua filha Milena.

por em Textos

Lieber Papa, Quando eu nasci, você foi a primeira pessoa a me segurar nas mãos. Minha mãe ainda estava dormindo, quando você me deu banho e me aqueceu em seus braços. Penso que acontece com a gente a mesma coisa que acontece com os pequenos gansos-nenéns, eles seguem a primeira pessoa que enxergam. Quando meus […]

Da sua filha Bruna.

Da sua filha Bruna.

por em Textos

Pai, nunca quis me vitimizar por eu ter sido um acidente ou culpar você e minha mãe por algumas falhas que enxergo dentro de mim. Sempre preferi que vocês recebessem os louros. Sempre preferi pensar que, aos 21 anos, você deu o seu melhor. Mas, o tempo passa e com o tempo, o tempo de […]

Etiqueta.

Etiqueta.

por em Inspiração, Textos

abri minhas gavetinhas para tentar colocá-lo em alguma. ainda não tenho certeza se fui eu quem encontrou tudo fechado ou quem sabe se foi você quem não coube em nenhuma das já existentes. em algumas, faltava espaço. em outras, sobrava. sem encaixe. talvez fosse cedo para te colocar entre los que amo. mas já era tempo suficiente para entrar na […]

Sobre a economia da felicidade.

Sobre a economia da felicidade.

por em Textos

Ano retrasado, quando fui ao Festival Path (festival de inovação, conhecimento, tecnologia, cultura e arte), escolhi assistir a palestra da Jackie de Botton (School of Life), e me lembro que ela disse que ter amizades mais íntimas com pessoas com o nível econômico mais próximo do seu é sim um dos pontos que podem te fazer […]

Wabi-sabi: abrace a imperfeição.

Wabi-sabi: abrace a imperfeição.

por em Inspiração, Textos

Outro dia me vi incomodada com um par de sapatos no meio da minha sala. Tentei me policiar e deixar o sapato estar ali, afinal, não faria nenhuma diferença na minha vida. Acho que aprendi (um pouco!) a aceitar a imperfeição em um espaço físico, mas não consegui levar essa evolução, ainda, para as relações humanas. […]

cadê eu?

cadê eu?

por em Geral, Textos

onde vamos almoçar? Carlos não come carne e Joana não pode com lactose. faz tempo que você não liga pra vó, tem que ir lá no domingo. prá lembrar, happy hour às 18h de amanhã e aniversário do João no Bar do Zé às 19h de sábado. anota aí. te encontro mais tarde. onde você […]